20/04/2018 (75) 99274-4456

Tecnologia

Ifarma

Estudo mostra que 54% das crianças acima dos 2 anos de idade já têm equipamentos eletrônicos

Depois do celular, o tablet é o equipamento mais utilizado pelas crianças

Por Portal TNews 24/03/2018 às 10:55:58

O seu filho tem algum aparelho eletrônico? Você precisa adverti-lo(a) para que saia da frente do computador, tablet, televisão etc.? Saiba que este é um problema que atinge milhares de crianças em todo mundo.

Segundo a pesquisadora Ana Lúcia Pinto de Camargo Meneghel, em seu estudo A infância não é virtual, quando a criança passa muito tempo entretida com equipamentos eletrônicos deixa de fazer o que é importante para o seu desenvolvimento como estudar, socializar com outras crianças, praticar esportes, entre outras atividades.

O trabalho de Ana Lúcia constatou que as crianças passam de 4 a 6 horas em média em frente a equipamento eletrônicos: "Alguns especialistas orientam que até seis anos de idade a criança pode ficar até uma hora em frente a esses equipamentos e até 12 anos e mais idade, duas horas em contato com os eletrônicos."

A tecnologia não é apresentada no artigo da pesquisadora como vilã, mas o seu mau uso, fazendo com que a criança deixe de brincar, explorar e de se relacionar com outras crianças.

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) lançou em 2016 um manual "Saúde de Crianças e Adolescentes na Era Digital" e dentre as recomendações está o de desencorajar, evitar e até proibir a exposição passiva em frente às telas digitais no caso de crianças com menos de 2 anos de idade, principalmente nos momento das refeições e antes de dormir.

Outra recomendação é a de que os responsáveis pela criança e adolescente monitorem os sites, programas, filmes e vídeos a que se expõem e principalmente, fiquem atentos à troca de mensagens nas redes sociais.

Crianças e Eletrônicos - Estudo 2018

O site Trocando Fraldas, especialista em saúde feminina e da criança, desenvolveu um estudo Uso de Eletrônicos por Crianças. Entre os dias 10 e 14 de março foi disponibilizado um questionário e quase 3 mil mães e pais de crianças pequenas de todo o Brasil participaram do levantamento.

O estudo mostrou que 54% das crianças acima dos 2 anos de idade já têm algum equipamento eletrônico. Outro dado importante é que 1 em cada 7 crianças menores de 2 anos e com mais de 6 meses já possuem algum aparelho próprio.

Dentre as crianças pequenas, o celular é o aparelho mais comum, um terço das crianças acima de 2 anos já têm o eletrônico.

Depois do celular, a pesquisa mostra que o tablet é o aparelho mais utilizado, 1 em cada 4 crianças de 2 anos ou mais já têm o próprio equipamento.

O tempo em frente aos aparelhos eletrônicos também fez parte do questionário da pesquisa e ficou provado que 66% das crianças pequenas passam mais de uma hora por dia com equipamentos eletrônicos e 1 a cada 20 crianças passa mais de 6 horas com os aparelhos.

O que os pais acham disso?

A pesquisa do portal também mostra que a maioria dos eletrônicos chega às crianças porque elas pedem, representando o percentual de 30%. As crianças que têm eletrônicos porque os pais consideraram adequado representa o percentual de 31%.

Sete em cada 8 mães e pais afirmam que estimulam os seus filhos a brincar ao ar livre.

Faz bem ou não a interação com os equipamentos eletrônicos? Realmente é o mau uso que pode prejudicar?

Fonte: Acorda Cidade

comentários