29/10/2020 075 99274-4456

Geral

Ifarma

Maradona anuncia ação solidária em prol de 10 cidades argentinas

O astro Diego Maradona anunciou que organizará uma ação beneficente em 10 cidades da Argentina. Ele doará camisas autografadas e alimentos, além de financiar obras de [...]

Por Redação TNews 11/09/2020 às 10:16:36

O astro Diego Maradona anunciou que organizará uma ação beneficente em 10 cidades da Argentina. Ele doará camisas autografadas e alimentos, além de financiar obras de infraestrutura. Batizada de "Las 10 del 10", a ação tem o apoio da Cruz Vermelha.

""Las 10 del 10". Uma cruzada de solidariedade para todo o país está chegando, na qual doarei dez camisas autografadas, comida e obras de infraestrutura em 10 cidades argentinas, juntamente com a Cruz Vermelha Argentina, meu amigo e advogado Matias Morla e o deputado Nicolas Rodriguez Saa", escreveu Maradona no Instagram.

Leia também

Marinho supera meme, afasta imagem 'folclórica' e se torna referência do Santos

Flavio Prado vê Dome superior a Jesus e diz: 'Não descarto o Flamengo disparar de novo'

SBT fecha acordo com a Conmebol para transmitir a Libertadores; veja detalhes

Maradona também informou que a Secretaria de Esportes, chefiada por Inés Arrondo, ex-jogadora de hóquei, aderiu à iniciativa e construirá um pequeno campo de futebol em cada uma das cidades. As cidades de Tigre, La Plata, Villa Palito e La Matanza, na província de Buenos Aires; Rosario del Tala em Entre Ríos; San Juan, na província homônima; Esquina em Corrientes; Garupa, em Misiones; Merlo, em San Luis; Rosario, em Santa Fé; e Santa Victoria, em Salta, receberão as doações.

O técnico do Gimnasia La Plata também compartilhou um vídeo da Cru Vermelha detalhando a iniciativa. "Com o apoio de um jogador especialista em dificuldades, da mão do Dez e da Cruz Vermelha argentina, convidamos você a se juntar ao "Las 10 del 10". É uma cruzada de solidariedade nacional para acompanhar as famílias que ainda precisam de nós. Vamos visitar dez cidades em nosso país levando alimentos, suprimentos de saúde e obras de infraestrutura básica", detalha o vídeo.

* Com EFE

Fonte: JP

Comentários